- Continua depois da publicidade -


CPI da Lava Toga é arquivada por Alcolumbre

A CPI pretendia investigar os integrantes do Poder Judiciário

Nesta segunda-feira (11), o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (foto), arquivou o pedido de instalação de uma CPI para investigar os integrantes do Poder Judiciário, que ficou conhecida como Lava Toga.

– Continua depois da publicidade –


Oficialmente, o senador justificou a medida alegando que o pedido não continha as 27 assinaturas (1/3 dos senadores) mínimas exigidas para abertura de uma comissão de inquérito.

“Segundo a Secretaria-Geral da Mesa Diretora do Senado, três senadores pediram para retirar as assinaturas em apoio à CPI: Tasso Jereissati, do PSDB, Eduardo Gomes, do MDB, e Kátia Abreu, do PDT”, registrou a Crusoé.

Imaginem o tamanho do dossiê que os ministros do STF devem ter sobre os três senadores…

– Continua depois da publicidade –


Veja também...