fbpx

- Continua depois da publicidade -


Marcola é transferido para presídio federal

Exército montou operação de guerra para transferir Marcola, e Polícia se prepara para receber represálias do PCC

Nesta quarta-feira (13), órgãos de segurança do governo federal e do governo de São Paulo realizam uma operação de guerra para transferir Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola, e outros líderes do PCC, do presídio paulista de Presidente Venceslau para unidades federais.

– Continua depois da publicidade –


As Forças Armadas estão envolvidas na operação, que foi planejada em sigilo.

Ainda não se sabe exatamente para qual prisão federal os detentos serão transferidos, mas já foi informado que alguns ficarão em Brasília, registrou a revista Crusoé.

Contudo, a Polícia está preocupada com o risco de represálias. Um dos comandantes da PM distribuiu a seguinte mensagem:

“Considerando sua periculosidade e a possibilidade de ações em retaliação, solicito aos senhores que repassem às suas unidades operacionais e de inteligência que nos passem de imediato qualquer informação relevante que possa surgir a respeito de movimentação em presídios, ações criminosas coordenadas ou qualquer tipo de ação de retaliação.”

– Continua depois da publicidade –


Comentários


Veja também...

Ajude-nos a quebrar a censura e siga o Diário Conservador no Twitter: