- Continua depois da publicidade -


Evento em homenagem a Bolsonaro é realocado para Wall Street

Após o prefeito esquerdista de Nova York ter boicotado o evento junto ao museu da cidade e às ONGs ambientais, o evento teve de ser transferido.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, foi o escolhido deste ano de 2019 para receber a premiação de “Personalidade do Ano” da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos.

– Continua depois da publicidade –


A cerimônia é realizada há 49 anos e tem objetivo de reconhecer sempre dois líderes, um brasileiro e um americano, que trabalham pela aproximação e relação entre os dois países.

A Câmara de Comércio decidiu que o par de Bolsonaro no evento será Mike Pompeo, secretário de Estado da administraçãoDonald Trump.

Por conta da pressão de ONGs ambientais e indígenas, o Museu Nacional de História Natural em Nova York decidiu nesta segunda-feira (15) não mais sediar o evento por causa da homenagem ao presidente do Brasilregistrou a Renova Mídia.

– Continua depois da publicidade –


Comentários


Veja também...