fbpx

- Continua depois da publicidade -


STF exige explicação de Bolsonaro sobre decreto de armas

A medida veio após o partido Rede Sustentabilidade pedir a suspensão do Decreto Presidencial.

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, decidiu nesta sexta-feira (10) dar um prazo de cinco dias para que o presidente da República, Jair Bolsonaro, explique o decreto assinado por ele que facilitou o porte de armas para mais categorias.

– Continua depois da publicidade –


O decreto de Bolsonaro, assinado no último dia 7 facilita o porte de arma para um conjunto de profissões, como advogados, caminhoneiros e políticos eleitos.

Um dia depois, o partido Rede Sustentabilidade acionou o STF pedindo a anulação do decreto. Outros partidos seguiram o mesmo caminho.

Relatora do pedido da Rede, Rosa Weber requisitou informações de Bolsonaro antes de decidir sobre a suspensão ou não do decreto, informa o G1.

Em transmissão ao vivo no Facebook, na noite desta quinta-feira (9), Bolsonaro disse que não foi “além do limite da lei”.

“Estão falando barbaridades em relação ao decreto. Não fui além do limite da lei. Não é apenas compromisso de campanha”, disse o chefe do Executivo.

– Continua depois da publicidade –


Comentários


Veja também...

Ajude-nos a quebrar a censura e siga o Diário Conservador no Twitter: